Mãe. Inquieta. Lésbica. Foda-se. ▶ #Herstorytelling

Com uma criança no colo #MulherArtistaResista

Eu não dormi de madrugada, mas tá tudo bem. Tá tudo bem porque eu aproveito e boto tudo na ponta do lápis pro nosso acerto de contas e eu não vou te dar desconto. Eu não vou te dar desconto e ao contrário de você não preciso aumentar um ponto pra contar meu conto, seu tonto. 
Sento e escrevo, contrariando as estatísticas, meu amor, eu nunca me encaixei na tua história romântica sobre a suposta sensibilidade irracional de quem sangra todos os meses. Sua dupla face não cola nem sai da escola porque você é burro, não aprende. A única coisa que cola aqui é velcro. Sua farsa não me prende. 
Lésbica. 
Eu abro a boca, falo alto, você se surpreende por um orgulho que nunca viu de perto. Acha que quero imitar os homens. Certo. Esbraveja que invejo seu pênis, tenta me grudar como chiclete embaixo do seu tênis. Coitado. Não chegará aos meus pés nem se trabalhar dobrado. Nos jogos desta língua que você quis cortar eu forjei meu doutorado. Inquieta sigo, muito mais inquieta depois de parir, migo. Você nunca fará solo o que eu fiz com uma criança no colo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

HTML básico é permitido. Seu endereço de e-mail não será publicado.

Assine este feed de comentários via RSS

%d blogueiros gostam disto: